sábado, 17 de janeiro de 2009

A Liza / ou amorenar



não consigo mais escurecer...
mas meu bem tudo tem um limite, tu é arabe, negro sou eu.
vou a praia mais tarde, e a noite no ensaio da Mangueira.
beleza,
te amorena.

3 comentários:

  1. bem parecida comigo essa morena ai de cima!!
    beijoo com saudade
    Liza

    ResponderExcluir
  2. achei que seria um bom ícone para ilustrar o verbo.

    ResponderExcluir